Notícias

A Freira, spinoff de Invocação do Mal, já tem diretor definido

Após o spinoff Anabelle ir muito bem nas bilheterias, a New Line Cinema não vem poupando esforços para aumentar o universo cinematográfico dos Warrens, o casal que enfrentou diversas entidades malignas durante muitos anos de suas vidas e que viraram filme através da franquia Invocação do Mal.

Com Anabelle 2 já em produção e com lançamento previsto para a segunda metade deste ano, um novo personagem vai ganhar um filme solo, e será a Freira tenebrosa filha do tinhoso que assola a vida dos personagens em Invocação do Mal 2. Após algum tempo desde que foi anunciado, finalmente o estúdio encontrou o diretor, que segundo eles, será o mais certo para dirigir o filme. Trata-se de Corin Hardy.

Hardy dirigiu o curta animado Butterfly, alguns clipes de músicas e o filme A Maldição da Floresta (The Hallow) de 2015, que chegou ao Brasil no ano passado. O diretor também está a cargo do novo filme da franquia O Corvo, que trará Jason Momoa (Aquaman, Game of Thrones) no papel principal. Como O Corvo está com produção pausada em busca de um novo estúdio, tudo leva a crer que os trabalhos de Hardy em A Freira possam começar em breve.

A Freira (The Nun) será escrito por Gary Dauberman e James Wan, que também irá produzir o longa ao lado de Peter Safran. Todos os filmes do universo de Invocação do Mal, que engloba o primeiro filme, Invocação do Mal 2 e Anabelle já arrecadaram, combinados, quase $ 900 milhões no mundo todo. Custando “apenas” $20 milhões para ser produzido, Invocação do Mal rendeu $318 milhões em 2013. A sequência, produzida com $ 40 milhões, arrecadou $320 milhões no mundo todo. Anabelle, que custou os ridículos $7 milhões para ser produzido, arrecadou incríveis $257 milhões em 2014. Dos três filmes, apenas Anabelle é bem ruim, enquanto que os dois Invocações do Mal são excelentes.

Esperamos que A Freira siga pelo mesmo caminho que os filmes da linha principal e como tem James Wan, principal responsável pelos sucessos dos filmes da saga, a frente de tantas coisas do projeto, as chances são bem altas de sucesso.

Postado a .
Por Allan Kardec.
Tags: